Evidências de Deus , uma fé racional

este forum tem o propósito de organizar e juntar evidências científicas, filosóficas e racionais pela existência do Deus da biblia


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Quer construir uma célula? Um reprodutor de DVD talvez seja mais fácil

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Admin


Admin
Quer construir uma célula? Um reprodutor de DVD talvez seja mais fácil 1

http://elohim.heavenforum.org/t262-quer-construir-uma-celula-um-reprodutor-de-dvd-talvez-seja-mais-facil

Quer construir uma célula? Um reprodutor de DVD pode ser mais fácil.  Imagine que você está construindo o primeiro reprodutor de DVD do mundo. O que você deve ter antes de poder ativá-lo e assistir a um filme pela primeira vez?

Um DVD. Como você começa a construção de um DVD? Você precisa de um gravador de DVD primeiro. Como você faz um gravador de DVD? Primeiro você tem que definir o idioma. Quando Russell Kirsch (que  criou a primeira imagem digital do mundo, ele tinha que definir uma linguagem para as imagens em primeiro lugar. Da mesma forma, você tem que definir o idioma que será escrito no DVD e, em seguida, construir hardware que entende e fala esta língua. Primeiro, o idioma deve ser definido. O desafio para construir nosso gravador de DVD / player é um problema de codificação-decodificação, assim como as informações no DNA. Comunicação, por definição, exige a existência de quatro coisas:

1. Um código
2. Um codificador que obedece as regras de um código
3. Uma mensagem que obedece as regras do código
4. Um descodificador que obedece as regras do código

Essas quatro coisas - linguagem, transmissor de linguagem, mensagem e receptor de linguagem - precisam ser definidas de forma precisa antes que qualquer forma de comunicação seja possível.

[/size]

Uma câmera envia um sinal para um gravador de DVD, que grava um DVD. O leitor de DVD lê o DVD e o converte num sinal de TV. Isto é conceitualmente idêntico à tradução do DNA. A única diferença é que não sabemos como o sinal original - a informação na primeira cadeia de DNA - foi codificada. A primeira cadeia de DNA tinha de conter um plano para construir alguma coisa, e esse plano tinha de chegar lá de alguma forma. Um codificador original que traduz a ideia de um organismo em instruções para construir o organismo (análogo à câmera) está diretamente implicado.

As regras de qualquer sistema de comunicação são sempre definidas antecipadamente por um processo de escolhas deliberadas. Deve haver acordo pré-estabelecido entre o remetente e o receptor, caso contrário a comunicação é impossível. Por definição, um sistema de comunicação não pode evoluir a partir de algo mais simples porque a própria evolução exige que a comunicação exista primeiro. Você não pode fazer cópias de uma mensagem sem a mensagem, e não é possível criar uma mensagem sem primeiro ter um idioma. E antes disso, você precisa de intenção. Um código é um conjunto de regras abstratas, imateriais e não-físicas. Não existe lei física que diga que a tinta de um pedaço de papel formado na forma A-R-V-O-R-E deve corresponder a esse grande organismo frondoso em seu quintal. Você não pode derivar as regras locais de um código das leis da física, porque as leis físicas rígidas excluem necessariamente a escolha. Por outro lado, o codificador decide se "1" significa "ligado" ou "desligado". Ele decide se "0" significa "desligado" ou "ligado". Os códigos, por definição, são livremente escolhidos. As regras do código vêm antes de tudo. Estas regras de qualquer idioma são escolhidas com um objetivo em mente: a comunicação, que é sempre impulsionada pela intenção. Dito isto, seres conscientes podem evoluir um código simples em um código mais complexo - se eles podem se comunicar em primeiro lugar. Mas até simples grunhidos e movimentos das mãos entre dois humanos que não compartilham nenhuma linguagem ainda requerem comunicação para ocorrer. Apontar para uma mesa e fazer um som que significa "mesa" ainda requer que alguém reconheça o que seu dedo apontador significa.

Perry Marshall , Evolution 2.0 , pagina 153

leia mais : O código genético, problema intransponível para origem não-inteligente

Ver perfil do usuário http://elohim.heavenforum.com

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum